passeipostei

literatura ou quase

leave a comment »

 

Publicado em 1958,  a novela Breakfast at Tiffany’s , de Truman Capote, o transformou num autor mundialmente consagrado quando o livro foi adaptado para o cinema em 1961. No Brasil o filme recebeu o título de Bonequinha de luxo, título adotado posteriormente quando o livro foi lançado em português. No seu Breakfast Capote criou uma das mais interessantes personagens femininas do cinema: Holly Golightly, uma garota de programa vivida em cena por Audrey Hepburn. Duas loiras tinham sido cogitadas para o papel: Marilyn Monroe e Kim Novak. Venceu a morena Audrey, que na época ganhou um cachê de 700 mil dólares, o segundo maior de Hollywood, atrás somente do cachê de Elizabeth Taylor em Cleopatra (1 milhão de dólares).  No roteiro de George Axelrod duas grandes licenças poéticas foram feitas. No original escrito por Capote, existia uma referência sobre a possível bissexualidade de Holly, e também no texto original o seu vizinho escritor é homossexual. No filme ambos viraram heteros e além de hetero o escritor é sustentado por uma amante rica. O filme ganhou dois Oscar: melhor trilha sonora e melhor canção original (Moon River). E até hoje é uma referência de sofisticação, fino humor misturado com drama na dose certa. A direção é de Blake Edwards, que depois do filme ficou tão famoso como Truman Capote. Aqui no passeipostei uma compilation com algumas cenas do filme, ao som da dupla americana Bitter:Sweet.

 

Anúncios

Written by passeipostei

06/07/2011 às 23:11

Passou, gostou? Comente.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: