passeipostei

literatura ou quase

Posts Tagged ‘Alta gastronomia

Gula gourmet

leave a comment »

 

O conto A festa de Babette foi publicado em 1956 e transformado em filme em 1987 – ganhando em seguida o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Foi a segunda adaptação para o cinema de uma obra de Karen Blixen, pseudônimo de Isak Dinesen. Em 1985 Out of Africa foi pra telona sob a direção de Sidney Pollack, estrelado por Meryl Streep, Klaus Maria Bradauer e Robert Redford. A produção – lançada no Brasil com o título Entre dois amores – ganhou sete Oscars, incluindo o de melhor filme e melhor direção.

Não tanto premiado como Out of Africa, A festa de Babette conquistou o coração das plateias no mundo inteiro. O enredo é simples: a fugitiva política Babette sai da França e vai parar numa aldeia da Noruega (no filme, o diretor Gabriel Axel preferiu transferir o enredo para sua terra natal, a Dinamarca). Na aldeia, Babette é acolhida por duas irmãs idosas, tornando-se a discreta cozinheira da casa. E passam-se anos. Até que um dia a cozinheira exilada ganha dez mil francos na loteria. Uma fortuna. Ela muda de vida? Volta para a França? Que nada. Pede permissão às duas velhinhas para realizar um autêntico e refinado jantar francês, com direito a convidar toda a ala geriátrica da aldeia. E este é o ponto alto do filme: a elaboração dos pratos, a degustação, as revelações que vão surgindo.

Ironicamente, a autora de A festa de Babette, Isak Dinesen, não pôde se entregar aos prazeres da mesa em seus últimos anos de vida. Teve que retirar parte do estômago e morreu praticamente subnutrida, pesando apenas trinta e cinco quilos.

 

Raimundo de Moraes

 

 

 
 

Anúncios

Written by passeipostei

16/03/2015 at 0:37

%d blogueiros gostam disto: